OBRIGADO.

Seu cadastro foi realizado com sucesso.

    Inscrição no blog

    Cadastre-se para receber noticias e novidades sobre o Professor Walter Vicioni Gonçalves, diretamente em seu email.



OBRIGADO.

Seu cadastro foi realizado com sucesso.

    Inscrição no blog

    Cadastre-se para receber noticias e novidades sobre o Professor Walter Vicioni Gonçalves, diretamente em seu email.



Blog do Professor Walter Vicioni Gonçalves

Título inédito: Vôlei do SESI-SP é o campeão do Sul-Americano Feminino de Clubes

VOLEI 1

Parabéns meninas! Agora, Zurique nos espera para o Mundial de Clubes, em maio.

Boa sorte à equipe!

27
fev 2014
CATEGORIA
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
Parabéns meninas! Agora, Zurique nos espera para o Mundial de Clubes, em maio.Boa sorte à equipe!

No palco, nosso aluno

Já saiu o meu novo artigo na Revista Abigraf – Edição 269 – Jan/Fev 2014.  Confiram. 

Artigo AlunoTantas políticas, tantas decisões, tantas diretrizes. Discute- se com base em teorias pedagógicas, em visões dos políticos, em metas de planos governamentais. Pouco se fala do principal ator do processo educacional: o aluno. Quem é ele? O que ele quer? Quais são seus sonhos e sua realidade? Podemos saber um pouco sobre o aluno com os dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), realizada em 2012, a partir de parceria entre o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Ministério da Saúde, com o apoio do Ministério da Educação.
A pesquisa levantou informações junto a uma amostra de escolares do 9º ano do Ensino Fundamental. A seguir, alguns resultados referentes aos alunos da capital de São Paulo.

O apoio da família – Em relação à família, mais da metade (58,7%) mora com pai e mãe, embora seja expressivo o percentual dos que moram apenas com a mãe (33,5%). Somente 44,3% dos alunos (50,9% na escola particular e 42,7% na pública) responderam que, nos últimos 30 dias, seus pais entenderam seus problemas e preocupações. Também em relação ao último mês, 12,5% dos alunos (10,6% dos meninos e 14,6% das meninas) foram agredidos fisicamente por um adulto da família. Leia Mais…

20
fev 2014
COMENTÁRIOS 23
COMPARTILHAR
Já saiu o meu novo artigo na Revista Abigraf – Edição 269 – Jan/Fev 2014.  Confiram. Tantas políticas, tantas decisões, tantas diretrizes. Discute- se com base em teorias pedagógicas, em visões dos políticos, em metas de planos governamentais. Pouco se fala do principal ator do processo educacional: o aluno. Quem é ele? O que ele quer? Quais são seus sonhos e sua realidade? Podemos saber um pouco sobre o aluno com os dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), realizada em 2012, a partir de parceria entre o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Ministério da Saúde, com o apoio do Ministério da Educação.A pesquisa levantou informações junto a uma amostra de escolares do 9º ano do Ensino Fundamental. A seguir, alguns resultados referentes aos alunos da capital de São Paulo.O apoio da família – Em relação à família, mais da metade (58,7%) mora com pai e mãe, embora seja expressivo o percentual dos que moram apenas com a mãe (33,5%). Somente 44,3% dos alunos (50,9% na escola particular e 42,7% na pública) responderam que, nos últimos 30 dias, seus pais entenderam seus problemas e preocupações. Também em relação ao último mês, 12,5% dos alunos (10,6% dos meninos e 14,6% das meninas) foram agredidos fisicamente por um adulto da família. (mais…)

Entrevista – Cenário da educação no Brasil

Nesta semana, fui o entrevistado do programa Conexão Super Rádio (AM 1150) e falei sobre os rumos da educação no Brasil.

Parte 1:

Parte 2:

Parte 3:

14
fev 2014
COMENTÁRIOS 5
COMPARTILHAR
Nesta semana, fui o entrevistado do programa Conexão Super Rádio (AM 1150) e falei sobre os rumos da educação no Brasil.Parte 1:Parte 2:Parte 3:

FIQUE LIGADO – Edição 27

Acompanhe alguns destaques na nova edição do Jornal Mural do SESI e SENAI SP

Fique Ligado_EDICAO 27

11
fev 2014
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
Acompanhe alguns destaques na nova edição do Jornal Mural do SESI e SENAI SPFique Ligado_EDICAO 27

‘Pai’ do Sistema SESI de Ensino conta como ficarão as escolas de Jundiaí

Entrevista publicada no Caderno Especial do Jornal de Jundiaí – em 02 de fevereiro

Jornal Jundiai

Das sete escolas do SESI instaladas hoje em Jundiaí, haverá, em breve três. Mas elas serão – como afirma o superintendente do Sesi e diretor estadual do Senai, Walter Vicioni, – “grandes escolas”, que funcionarão em período integral e, além de abrigarem ainda mais alunos, gerarão empregos, especialmente para professores.

 Vicioni, que coleciona 44 anos dedicados à educação, incluindo uma passagem por Campinas, onde nas chamadas “escolas de emergência”, na década de 1960, respondeu pela alfabetização de um número sem-fim de crianças, entrou no Sistema “S” pelas portas do Senai, onde permaneceu até 2006. Mas foi após idealizar o Sistema Sesi de Ensino que este professor se consolidou como um visionário do aprendizado contemporâneo.

Para este paulista de 67 anos, a educação deve ser mais que um direito universal. Deve ser uma ferramenta para o desenvolvimento socioeconômico de uma nação. Nesta entrevista, ele dá detalhes dos planos e projetos que Jundiaí pode aguardar.

 Jornal de Jundiaí. O senhor é um dos responsáveis por criar e implantar o Sistema Sesi de Ensino. Conte um pouco esta experiência.

Walter Vicioni. Eu já trabalhava no SENAI e, em 2006, fui chamado para criar no Sesi um plano estratégico visando consolidar a transferência de tecnologia educacional. Surgiu o Sistema SESI de Ensino, que fazendo um comparativo é como um COC, mas ao invés de ser usado pelas escolas privadas é oferecido como um sistema educacional para os municípios. Leia Mais…

5
fev 2014
COMENTÁRIOS 4
COMPARTILHAR
Entrevista publicada no Caderno Especial do Jornal de Jundiaí – em 02 de fevereiroDas sete escolas do SESI instaladas hoje em Jundiaí, haverá, em breve três. Mas elas serão – como afirma o superintendente do Sesi e diretor estadual do Senai, Walter Vicioni, – “grandes escolas”, que funcionarão em período integral e, além de abrigarem ainda mais alunos, gerarão empregos, especialmente para professores. Vicioni, que coleciona 44 anos dedicados à educação, incluindo uma passagem por Campinas, onde nas chamadas “escolas de emergência”, na década de 1960, respondeu pela alfabetização de um número sem-fim de crianças, entrou no Sistema “S” pelas portas do Senai, onde permaneceu até 2006. Mas foi após idealizar o Sistema Sesi de Ensino que este professor se consolidou como um visionário do aprendizado contemporâneo.Para este paulista de 67 anos, a educação deve ser mais que um direito universal. Deve ser uma ferramenta para o desenvolvimento socioeconômico de uma nação. Nesta entrevista, ele dá detalhes dos planos e projetos que Jundiaí pode aguardar. Jornal de Jundiaí. O senhor é um dos responsáveis por criar e implantar o Sistema Sesi de Ensino. Conte um pouco esta experiência.Walter Vicioni. Eu já trabalhava no SENAI e, em 2006, fui chamado para criar no Sesi um plano estratégico visando consolidar a transferência de tecnologia educacional. Surgiu o Sistema SESI de Ensino, que fazendo um comparativo é como um COC, mas ao invés de ser usado pelas escolas privadas é oferecido como um sistema educacional para os municípios. (mais…)

Programa Nanomundo, um case de sucesso

O Programa SESI e SENAI SP de Educação em Nanociência e Nanotecnologia – Nanomundo – inspirou a produção de um filme pela empresa Hitachi que destaca o desafio das entidades em ampliar o conhecimento científico e a competitividade  da indústria brasileira por meio da Nanotecnologia. Leia Mais…

30
jan 2014
COMENTÁRIOS 14
COMPARTILHAR
O Programa SESI e SENAI SP de Educação em Nanociência e Nanotecnologia – Nanomundo – inspirou a produção de um filme pela empresa Hitachi que destaca o desafio das entidades em ampliar o conhecimento científico e a competitividade  da indústria brasileira por meio da Nanotecnologia. (mais…)

A distinção entre “viver para a política”e “viver da política”

Livro Silvia 1

Em visita ao CAT A. E. Carvalho, na sexta-feira 24 de janeiro, recebi dos funcionários da escola por meio da profa. Silvia Marchi, o livro Ciência e Politica: duas vocações, de Max Weber. Constitui o livro, a reunião de dois ensaios: a Ciência como vocação e a Politica como vocação.  Não resisti à tentação de lê-lo, imediatamente.  Leia Mais…

29
jan 2014
CATEGORIA
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
Em visita ao CAT A. E. Carvalho, na sexta-feira 24 de janeiro, recebi dos funcionários da escola por meio da profa. Silvia Marchi, o livro Ciência e Politica: duas vocações, de Max Weber. Constitui o livro, a reunião de dois ensaios: a Ciência como vocação e a Politica como vocação.  Não resisti à tentação de lê-lo, imediatamente.  (mais…)

Ana Clara e a luta por um mundo melhor

anaclara

                                                                                                                                          Foto: Reprodução de TV

O que é educação? A lei que estabelece as diretrizes e bases da educação escolar brasileira inicia com a definição de que “a educação abrange os processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nas instituições de ensino e pesquisa, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais”. Ou seja, a educação vai muito além do ensino formal, com suas escolas e seus cursos. É na convivência que se aprende muito e na passagem das tradições de uma geração para outra que se ampliam e se consolidam saberes, habilidades e, mais que tudo, valores. Leia Mais…

28
jan 2014
CATEGORIA
COMENTÁRIOS 40
COMPARTILHAR
                                                                                                                                          Foto: Reprodução de TVO que é educação? A lei que estabelece as diretrizes e bases da educação escolar brasileira inicia com a definição de que “a educação abrange os processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nas instituições de ensino e pesquisa, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais”. Ou seja, a educação vai muito além do ensino formal, com suas escolas e seus cursos. É na convivência que se aprende muito e na passagem das tradições de uma geração para outra que se ampliam e se consolidam saberes, habilidades e, mais que tudo, valores. (mais…)
23
jan 2014
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR

Entrevista – Lançamento do livro “Programa SESI-SP na Trilha dos Saberes”

Entrevista concedida ao Canal Futura para o interprograma Você faz a diferença

sobre o lançamento do meu livro “Programa SESI-SP na Trilha dos Saberes” 

15
jan 2014
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
Entrevista concedida ao Canal Futura para o interprograma Você faz a diferençasobre o lançamento do meu livro “Programa SESI-SP na Trilha dos Saberes” 

Sobre

Walter Vicioni é diretor regional do SENAI-SP, superintendente do SESI-SP e diretor da Faculdade SESI-SP de Educação. É membro reeleito do Conselho Curador da Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, mantenedora da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Foi eleito, em 2018, para ocupar a Cadeira nº 36 da Academia Paulista de Educação.


Saiba mais sobre
Walter Vicioni Gonçalves

Redes Sociais