OBRIGADO.

Seu cadastro foi realizado com sucesso.

    Inscrição no blog

    Cadastre-se para receber noticias e novidades sobre o Professor Walter Vicioni Gonçalves, diretamente em seu email.



OBRIGADO.

Seu cadastro foi realizado com sucesso.

    Inscrição no blog

    Cadastre-se para receber noticias e novidades sobre o Professor Walter Vicioni Gonçalves, diretamente em seu email.



Blog do Professor Walter Vicioni Gonçalves

Olimpíada do Conhecimento SENAI SP SKILLS 2013 já começou

ABERT PROF

O maior evento de valorização da formação profissional – a Olimpíada do Conhecimento SENAI SP SKLLIS 2013 – foi aberto nesta quarta-feira, 25 de setembro, no Pavilhão do Anhembi. Chegou o momento dos alunos do SENAI SP mostrarem suas habilidades e competências em busca das soluções para os desafios industriais propostos. Leia Mais…

27
set 2013
COMENTÁRIOS 1
COMPARTILHAR
O maior evento de valorização da formação profissional – a Olimpíada do Conhecimento SENAI SP SKLLIS 2013 – foi aberto nesta quarta-feira, 25 de setembro, no Pavilhão do Anhembi. Chegou o momento dos alunos do SENAI SP mostrarem suas habilidades e competências em busca das soluções para os desafios industriais propostos. (mais…)

Medalha do Mérito Educativo

XVII CONGRESSO E FEIRA DE EDUCACAO

Recebi ontem, 19 de setembro, a Medalha do Mérito Educativo, na solenidade do Congresso e Feira de Educação Saber 2013. A comenda, entregue pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de São Paulo (SIEEESP), enaltece as personalidades que dignificam a Educação e colaboram para o aprimoramento da qualidade do ensino brasileiro.

Senti-me muito lisonjeado com a honraria.

20
set 2013
COMENTÁRIOS 3
COMPARTILHAR
Recebi ontem, 19 de setembro, a Medalha do Mérito Educativo, na solenidade do Congresso e Feira de Educação Saber 2013. A comenda, entregue pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de São Paulo (SIEEESP), enaltece as personalidades que dignificam a Educação e colaboram para o aprimoramento da qualidade do ensino brasileiro.Senti-me muito lisonjeado com a honraria.

A hora da mudança na educação

Artigo publicado na Revista Abigraf – Edição 266 – Julho/Agosto 2013

Vem, vamos embora que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora não espera acontecer
“Pra não dizer que não falei das flores”
GERALDO VANDRÉ

pagina 1As manchetes tornam- se cada vez mais alarmantes: “Droga incita violência na escola, aponta pesquisa de sindicato”, “Pesquisa diz que 44% dos professores de SP dizem ter sofrido agressão em escolas”, “Jovens do País enfrentam bullying e solidão na escola — Problemas detectados por pesquisa do IBGE elevam risco de depressão no futuro”, “Educação de má qualidade expulsa estudantes e cria defasagem escolar”.

Problemas graves, que formam o mosaico que caracteriza a educação nacional. O diagnóstico está diariamente sendo incrementado e atualizado. A consciência de sua gravidade foi demonstrada nas recentes manifestações de rua, ao se protestar por um novo padrão de educação para o País — a busca por um modelo sem violência, com eficiência e excelência de resultados.

A imprensa divulga, como possíveis soluções para a violência nas escolas, propostas tais como instalação de mais câmaras nos ambientes escolares e redução da maioridade penal, medidas que podem ser consideradas pontuais e paliativas. Leia Mais…

16
set 2013
COMENTÁRIOS 29
COMPARTILHAR
Artigo publicado na Revista Abigraf – Edição 266 – Julho/Agosto 2013Vem, vamos embora que esperar não é saber Quem sabe faz a hora não espera acontecer“Pra não dizer que não falei das flores”GERALDO VANDRÉAs manchetes tornam- se cada vez mais alarmantes: “Droga incita violência na escola, aponta pesquisa de sindicato”, “Pesquisa diz que 44% dos professores de SP dizem ter sofrido agressão em escolas”, “Jovens do País enfrentam bullying e solidão na escola — Problemas detectados por pesquisa do IBGE elevam risco de depressão no futuro”, “Educação de má qualidade expulsa estudantes e cria defasagem escolar”.Problemas graves, que formam o mosaico que caracteriza a educação nacional. O diagnóstico está diariamente sendo incrementado e atualizado. A consciência de sua gravidade foi demonstrada nas recentes manifestações de rua, ao se protestar por um novo padrão de educação para o País — a busca por um modelo sem violência, com eficiência e excelência de resultados.A imprensa divulga, como possíveis soluções para a violência nas escolas, propostas tais como instalação de mais câmaras nos ambientes escolares e redução da maioridade penal, medidas que podem ser consideradas pontuais e paliativas. (mais…)

Inaugurada a primeira Escola Móvel de Aviônicos do SENAI-SP e do Brasil

IMG_5962

O SENAI-SP inaugurou a primeira escola móvel de Aviônicos do Brasil, na sexta-feira, dia 30 de agosto, no Museu da TAM, em São Carlos. Leia Mais…

9
set 2013
COMENTÁRIOS 1
COMPARTILHAR
O SENAI-SP inaugurou a primeira escola móvel de Aviônicos do Brasil, na sexta-feira, dia 30 de agosto, no Museu da TAM, em São Carlos. (mais…)

Opinião – Progressão continuada

Novamente, a decantada progressão continuada na berlinda! A Folha de S. Paulo toma posição sobre anunciadas mudanças no sistema de ciclos e de avaliação do ensino na rede pública municipal de São Paulo.

Em 24 de agosto último, o colunista Hélio Schwartsman, no artigo “Reprovando a repetência”, considera a proposta um provável retrocesso, fundamentado em “razoável evidência de que a retenção transita entre o inútil e o contraproducente”. No dia seguinte, 25, o editorial “Ensinar e aprender”, do mesmo jornal, contrariamente ao Hélio, diz que “há sentido…em encurtar os ciclos, como quer o prefeito Fernando Haddad”. Há razões e grandes incertezas dos dois lados. Como o próprio editorial qualifica, trata-se de um “vespeiro”.

Uma coisa é certa, também apontada no editorial: a progressão continuada, por má implantação e aplicação, “degenerou” em “aprovação automática”. Três coisas mais, porém, precisam ser enfatizadas. Primeiro, a repetência acarreta pesados custos sociais e financeiros. A queda da autoestima do aluno repetente é o estopim do abandono escolar e, consequentemente, o pé na soleira da marginalidade.

Cada aluno retido representa recurso público perdido e, em escala global, provoca o travamento do fluxo escolar, acumulando embaraços para a criação de vagas para novos alunos. Segundo, não há regime de ciclos ou de progressão continuada que produza bons resultados, se não houver adequada preparação e valorização dos professores – em termos de remuneração, formação e condições de trabalho – de forma que seja, de fato, implantado um ensino continuado de excelente qualidade, com avaliação, reforço e recuperação igualmente continuados.

Por último, a urgente transformação da estrutura e funcionamento da educação básica. Não há soluções mágicas ou milagrosas em educação!

Walter Vicioni Gonçalves é membro titular do Conselho Estadual de Educação de São Paulo, diretor regional do Senai-SP e superintendente do Sesi-SP.

26
ago 2013
COMENTÁRIOS 11
COMPARTILHAR
Novamente, a decantada progressão continuada na berlinda! A Folha de S. Paulo toma posição sobre anunciadas mudanças no sistema de ciclos e de avaliação do ensino na rede pública municipal de São Paulo.Em 24 de agosto último, o colunista Hélio Schwartsman, no artigo “Reprovando a repetência”, considera a proposta um provável retrocesso, fundamentado em “razoável evidência de que a retenção transita entre o inútil e o contraproducente”. No dia seguinte, 25, o editorial “Ensinar e aprender”, do mesmo jornal, contrariamente ao Hélio, diz que “há sentido…em encurtar os ciclos, como quer o prefeito Fernando Haddad”. Há razões e grandes incertezas dos dois lados. Como o próprio editorial qualifica, trata-se de um “vespeiro”.Uma coisa é certa, também apontada no editorial: a progressão continuada, por má implantação e aplicação, “degenerou” em “aprovação automática”. Três coisas mais, porém, precisam ser enfatizadas. Primeiro, a repetência acarreta pesados custos sociais e financeiros. A queda da autoestima do aluno repetente é o estopim do abandono escolar e, consequentemente, o pé na soleira da marginalidade.Cada aluno retido representa recurso público perdido e, em escala global, provoca o travamento do fluxo escolar, acumulando embaraços para a criação de vagas para novos alunos. Segundo, não há regime de ciclos ou de progressão continuada que produza bons resultados, se não houver adequada preparação e valorização dos professores – em termos de remuneração, formação e condições de trabalho – de forma que seja, de fato, implantado um ensino continuado de excelente qualidade, com avaliação, reforço e recuperação igualmente continuados.Por último, a urgente transformação da estrutura e funcionamento da educação básica. Não há soluções mágicas ou milagrosas em educação!Walter Vicioni Gonçalves é membro titular do Conselho Estadual de Educação de São Paulo, diretor regional do Senai-SP e superintendente do Sesi-SP.

Parabéns aos atletas da Natação do SESI-SP

  

Estive com as duas estrelas da Natação do Sesi-SP, Ana Marcela Cunha e Thiago Pereira, na manhã da quinta-feira, 22 de agosto, na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP). Eles trouxeram as boas notícias do último Mundial de Natação de Barcelona, realizado em julho e agosto, na Espanha. Ana Marcela ficou com uma prata e um bronze e Thiago conquistou dois bronzes.

22
ago 2013
CATEGORIA
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
  Estive com as duas estrelas da Natação do Sesi-SP, Ana Marcela Cunha e Thiago Pereira, na manhã da quinta-feira, 22 de agosto, na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP). Eles trouxeram as boas notícias do último Mundial de Natação de Barcelona, realizado em julho e agosto, na Espanha. Ana Marcela ficou com uma prata e um bronze e Thiago conquistou dois bronzes.

Investimentos no Senai-SP devem chegar a R$ 362,6 milhões em 2013

Publicado no jornal Folha Notícias – Especial Educação – em 20/07/2013

folhaO resultado de duas medalhas de ouro, quatro de prata e uma de bronze dos alunos no maior torneio de ensino profissionalizante do mundo, o WorldSkills 2013, realizado em Leipzig, na Alemanha, é apenas um indicador da capacidade de formação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP).

Para manter a qualidade de ensino, o Senai-SP deve receber, somente no ano de 2013, investimentos de R$ 362,6 milhões, valor 16% maior em relação ao investido no ano anterior. A finalidade é ampliar unidades, construir novas, adquirir equipamentos de tecnologia e capacitar os profissionais da entidade. Leia Mais…

21
ago 2013
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
Publicado no jornal Folha Notícias – Especial Educação – em 20/07/2013O resultado de duas medalhas de ouro, quatro de prata e uma de bronze dos alunos no maior torneio de ensino profissionalizante do mundo, o WorldSkills 2013, realizado em Leipzig, na Alemanha, é apenas um indicador da capacidade de formação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP).Para manter a qualidade de ensino, o Senai-SP deve receber, somente no ano de 2013, investimentos de R$ 362,6 milhões, valor 16% maior em relação ao investido no ano anterior. A finalidade é ampliar unidades, construir novas, adquirir equipamentos de tecnologia e capacitar os profissionais da entidade. (mais…)

SENAI-SP apresenta investimentos na Escola de Jandira

INVESTIMENTO NO SENAI DE JANDIRA

Na tarde de sexta-feira, 16 de agosto, participei da solenidade que marcou a ampliação e a renovação tecnológica da Escola SENAI de Jandira “Prof. Vicente Amato”. Leia Mais…

20
ago 2013
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
Na tarde de sexta-feira, 16 de agosto, participei da solenidade que marcou a ampliação e a renovação tecnológica da Escola SENAI de Jandira “Prof. Vicente Amato”. (mais…)

Sesi-SP abre novas turmas do MBA em ‘Gestão Empreendedora’ para profissionais do ensino da rede pública

 

MBA - GESTÃO EMPREENDEDORA

Na segunda-feira (19/08), foi realizada no Teatro do Sesi-SP a aula inaugural para 400 novos alunos/gestores de Campinas e São Paulo das novas turmas do curso de especialização lato sensu MBA Gestão Empreendedora, com ênfase em Educação. Leia Mais…

19
ago 2013
COMENTÁRIOS 0
COMPARTILHAR
 Na segunda-feira (19/08), foi realizada no Teatro do Sesi-SP a aula inaugural para 400 novos alunos/gestores de Campinas e São Paulo das novas turmas do curso de especialização lato sensu MBA Gestão Empreendedora, com ênfase em Educação. (mais…)

Abertura da coletiva de imprensa do espetáculo musical “A Madrinha Embriagada”

A comédia musical “A Madrinha Embriagada” estreia para o público no dia 17 de agosto, no Teatro do SESI-SP, com ingressos gratuitos.

A temporada de apresentações vai até 29 de junho de 2014.

15
ago 2013
CATEGORIA
COMENTÁRIOS 1
COMPARTILHAR
A comédia musical “A Madrinha Embriagada” estreia para o público no dia 17 de agosto, no Teatro do SESI-SP, com ingressos gratuitos.A temporada de apresentações vai até 29 de junho de 2014.

Sobre

Walter Vicioni é diretor regional do SENAI-SP, superintendente do SESI-SP, diretor da Faculdade SESI-SP de Educação, licenciado até 07/10/2018. É membro reeleito do Conselho Curador da Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho, mantenedora da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.


Saiba mais sobre
Walter Vicioni Gonçalves

Redes Sociais